Segunda-feira, 27 de Julho de 2015
MAÇÃO LUGAR DE ENCONTRO II

2607201544643.jpg

Na Missa de Domingo, ontem, da esquerda para a direita, Agostinho Janela Barbeiro, de 1961, do Castelo, Mação, o Pe Amândio, de 1974, do Estreito e actual Pároco de Mação, o João Heitor, de 1944, dos Envedos, e a sua esposa.

antónio colaço

PS
Obrigado, António Assunção,pela correcção da terra de origem do Pe Amândio.



publicado por animo às 10:21
link do post | comentar | favorito
|

Sábado, 25 de Julho de 2015
OS BILHETES POSTAIS DAS FÉRIAS EM CURSO

Caro Colaço, vê lá se adivinhas quem tirou a sardinha antes da foto! Hoje na Carrasqueira, um dia após os anos do Vicente. Vê lá se é desta que vens....

Um abraço.
Manel Pires Antunes.

NR
Com sete dias de atraso, Manel!!!Mas estão fresquinhas na mesma!!!!
ac


IMG_0291.jpg

 



publicado por animo às 17:06
link do post | comentar | favorito
|

MAÇÃO LUGAR DE ENCONTRO.....

Por Mação, hoje foi dia de inesperados encontros de antigos alunos e de várias gerações.

De manhã, na esplanada do Cineteatro, Celestino Pinheiro, de 1965, do Vale da Mua, Envendos, juntou-se à conversa com Carlos Diogo, de 1951, de Mação, e o escriba de serviço, de 1963.
Entretanto, correio trazido de Lisboa, fazia-nos chegar às mãos o recente livro do Joaquim Nogueira,"Memória de um Beirão da Zona do Pinhal" (obrigado, Joaquim) de 1944.

Ao almoço, no restaurante O Pescador, em Mação, entretido a saborear uma deliciosa e bem temperada açorda de ovas com um lúcio perca grelhado, o nosso Rogério Roque, de 1958 que se lembrou de descer de Castelo Branco até estas paragens.

Boas e retemperadoras férias para todos.

antónio colaço



publicado por animo às 16:23
link do post | comentar | favorito
|

Terça-feira, 7 de Julho de 2015
JOAQUIM NOGUEIRA. um esclarecimento com um pedido dentro QUE VENHA A 2ªEDIÇÃO

unnamed.jpg3.jpg

 

 

JOAQUIM DIAS NOGUEIRA

Rua dos Soeiros, 338 – 5º direito

1 500 - 585 – L I S B O A

21 726 16 36 / 919482371                             Lisboa, 6 de julho de 2 015.

Aos Amigos e Colegas dos Seminários:

- à atenção do COLAÇO, com um abraço –

ASSUNTO : - EDIÇÃO E LANÇAMENTO DAS “MEMÓRIAS DE UM BEIRÃO DA ZONA DO PINHAL”.

Familiares e amigos insistiram comigo para que escrevesse um livro onde relatasse as minhas Memórias. E isto, em virtude da minha vida, mais ou menos variada e das muitas actividades que exerci no decorrer da mesma. No mês que vem, farei 82 anos e entendi que era ”agora ou nunca”.

A minha ideia foi e é escrever um livro, ao correr da pena, sem pretensões e sem qualquer preocupação de forma ou de estilo, atento, até, o meu temperamento e maneira de ser que pretendem ser e são reservados, como é notório, não obstante a disponibilidade que tenho tido para colaborar com as actividades da Associação . Ou seja, a minha ideia foi a de escrever um livro, destinado mais à minha família e àos amigos “mais chegados”.

Claro que os ex-seminaristas são AMIGOS, mas, repito, pretendia e pretendo uma certa reserva. Convidei para o lançamento alguns dos meus familiares – todos seríamos mais de 200 – antigos Colegas da tropa, do Colégio C.N.A., da s Faculdades, da hidroginástica e de outras actividades e os ex-alunos que mais vezes almoçam comigo, nas 6.as feiras, na Parreirinha de Carnide. Não se pode dizer que não tenha convidado gente dos nossos.

Não esperava ter o sucesso que teve a edição, de 150 ex., e a verdade é que a mesma se esgotou . Estou a pensar fazer uma outra edição para satisfazer pedidos de familiares e de Amigos, entre os quais alguns ex-colegas. Se o fizer não deixarei de publicitar o facto, pois, agora, penso que o devia ter feito, não obstante estarem perto de 100 pessoas, na apresentaçã o do dia 26 de Junho.

Desta vez não o fiz, pelos motivos apontados, sendo até certo que também não o fiz para uma outra Associação de que faço parte - ASSOCIAÇÃO DOS ANTIGOS ALUNOS DO COLÉFIO DE TOMAR – C.N.Á .- cujo Colégio frequentei, também, vários anos, sendo certo que souberam e lá estiveram também “velhos” ex.colegas”.

Penso que devia este esclarecimento, pois consta-me que há pessoas que têm manifestado a sua admiração pelo desconhecimento do evento.

Aproveito para agradecer as palavras elogiosas do dia da apresentação e as que o Silvério e o António Henriques escreveram no blogue. Muita simpatia que eu considero imerecida.

Um abraço para todos, com a amizade sincera do

JOAQUIM NOGUEIRA.

NR
Joaquim, sabes como fiz questão, pessoalmente, de "obrigar-te" a deixar-nos dar conta desta tua mais que louvável iniciativa editorial.
Pena tenho que não tenha sido complementada com dois dedos de tão desejada conversa.
Não faltarão ocasiões.
Aliás, acho que só temos todos de dar graças por ainda podermos contar com a memória viva destes nossos amigos.
O teu gesto,é,pois, para nós, uma benção!!!
Venha a segunda edição revista e....aumentada!!!
Está dado o "nihil obstat".Trata lá, tu, do "imprimatur"!!!

antónio colaço



publicado por animo às 00:37
link do post | comentar | favorito
|

Sábado, 4 de Julho de 2015
VAI UMA VISITINHA AO PE HORÁCIO ?! reportagem de António Henriques
UMA VISITA AO AMIGO
Hoje foi assim, como estas fotos dizem!
Tudo bem explicado, almoçámos juntos, falámos do livro do Joaquim Nogueira, que já está esgotado, falámos dos nossos colegas e também veio à baila o grande amigo P. Horácio, de quem o João Heitor é visita frequente.
E logo ali veio à baila uma visita em grupo para criar mais animação ao amigo. 
Ele mostra-se contente com a visita e nós também alegramos a consciência. No fim, rezámos em conjunto e o Heitor até pediu uma bênção ao P. Horácio, mas acho que ele não entendeu bem o que lhe pedimos e lá viemos sem bênção.
Ou não?
António Henriques

NR
A maior benção, António, foi a vossa visita, para além dessa benção outra de ainda termos o Pe Horácio entre nós.
Evoco, com alguma emoção, a derradeira conversa que com ele mantive ainda com a memória a surpreender-nos aos poucos nas esquinas de uma grande e intensa vida.
Parabéns, rapazes!
"Estava doente e visitastes-me, com Alzeimer e não desististes de mim...."
antónio colaço

unnamed.jpgph2.jpg

 

unnamed.jpgph.jpg



publicado por animo às 02:26
link do post | comentar | favorito
|

Sexta-feira, 3 de Julho de 2015
MEMÓRIAS DE UM BEIRÃO DA ZONA DO PINHAL texto e imagens do António Henriques

Memórias de um Beirão da zona do Pinhal

Foi com a sala cheia que nesta sexta-feira, pelas 15,00 horas, na Parreirinha de Carnide, o Joaquim Nogueira apresentou o seu livro de memórias com o título deste texto. Num ambiente bem familiar, os seis pontos do programa foram cumpridos a preceito, como é apanágio do autor.

1 – Começámos por ouvir as suas palavras agradecendo a presença de todos – familiares (e são muitos, desde oito irmãos a muitos outros sobrinhos…), amigos do seminário, do colégio de Tomar e dos tempos da tropa, que quiseram estar presentes. Falou também dos incentivos que recebeu de muitos, estimulando-o a falar das suas tão variadas e ricas vivências. Do alto dos seus 82 anos, foi já bem abundante a sua experiência. O livro termina em 2009, altura em que ficou viúvo da Zezinha, com quem viveu 51 anos.

2 – A apresentação do livro foi feita pelo seu grande amigo, Frederico Manuel de Sousa Garcia, que, ao falar do livro, relevou a importância de se falar ainda mais do autor, ele que é a maior personagem desta história. E se todos temos qualidades e defeitos, as primeiras são mais fortes na pessoa do Joaquim Nogueira. Resumiu o livro em duas palavras: amor e amizade, amor pela família e amizade por tantos amigos que enchem a sua vida. Destacou ainda a facilidade de leitura deste livro, numa linguagem bonita e acessível a todos.

3 – O terceiro momento serviu para a intervenção de muitos presentes, em especial os familiares que o incentivaram a contar a sua história e aqueles que de perto colaboraram na sua edição, nomeadamente a sua irmã, Luísa Nogueira, que escreveu o prefácio. Foi ela que falou do estilo fluente do irmão, com um discurso próximo da oralidade, a chamar o leitor para a conversa. A capa é de seu cunhado Humberto. Lembro-me também de ouvir as duas filhas sentirem-se felizes e orgulhosas pelo pai que têm. Também o Joaquim Mendeiros e o Joaquim Silvério felicitaram o seu homónimo, o primeiro “alentejano da terra dos sobreiros a saudar o amigo beirão da terra dos pinheiros” e o J. Silvério a saborear no livro o “cheiro da resina e os serões familiares à beira da lareira”. Dedicou-lhe depois um belo poema sobre a amizade.

4 – O quarto momento serviu para uma «distribuição gratuita de livros a irmãos, a primos (mais idosos) da minha geração e ainda a outros familiares e a vários amigos presentes que mais colaboraram comigo na “saga” da minha vida», segundo palavras do autor. E muitos foram os exemplares que foram entregues.

5 – Seguiu-se um beberete oferecido pelo Joaquim Nogueira e, como sexta parte da função, a assinatura de dedicatórias a quem o desejasse.

Como se vê, foram mais de duas horas de rico convívio, de pura amizade e de elogio ao autor, que quis partilhar connosco as suas memórias, como se diz no prefácio, «desde o pequeno Joaquim a caminho da escola da Várzea dos Cavaleiros, ao jovem seminarista, depois colegial e universitário, até ao emigrante empreendedor e aventureiro por terras africanas, ao adulto outra vez universitário, depois advogado e agora reformado pronto a partilhar as suas histórias».

Parabéns, Joaquim, pela tua coragem e exemplo.

António Henriques

 

NR
Com o pedido de desculpas ao incansável António Henriques mas, sobretudo, ao Joaquim Nogueira, por este atraso só justificado pelo intenso trabalho que me tem tomado o tempo todo.Bem avisei de que vai sendo tempo de pensarem num novo blog.....
Abraços e PARABÉNS, Joaquim!!!
2
O pouco tempo de que disponho, António, não me permitiu prolongar por mais horas a procura de solução para editar o video que enviaste .É um formato que não domino.Tens de editá-lo, primeiro, no Youtube.
Abc

colaço

unnamed.jpg1.jpg

unnamed.jpg8.jpg

unnamed.jpg7.jpg

unnamed.jpg88.jpg

unnamed.jpg4.jpg

unnamed.jpg3.jpg

 

 



publicado por animo às 08:55
link do post | comentar | favorito
|

Contador
pesquisar
 
Junho 2016
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
14
16
17
18

19
20
21
22
23

26
28
29


posts recentes

ANIMUS DE LUGAR DE ENCONT...

ESTÁ TUDO DITO

ANIMUS O FIM há sete anos...

VEM AÍ A "ANIMUS SEMPER" ...

ANIMUS SEMPER escreve ant...

comasalpcb@gmail.com O E...

O RESPEITO NÃO SE DECRETA...

DAS ELIMINAÇÕES A CAMINHO...

ESTE BLOG TERMINA NO FINA...

NUNCA ACEITAREI REGRAS SA...

arquivos

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

links
subscrever feeds