Sexta-feira, 12 de Março de 2010
A CRÓNICA DE ALVES JANA.SER É TRANSFORMAR-SE

 

 

Produção antroponómica 3 – para mim mesmo
 
Já percebemos que uma empresa tem de estar em permanente mudança para poder vencer e que um profissional tem de estar em contínua (trans)formação para não se tornar incapaz. Mas ainda não nos demos conta de que, do ponto de vista pessoal, cada um de nós está sujeito à mesma lei: ou se transforma para melhor ou se degrada.
Um adulto já é um homem “feito”ou uma mulher “feita”, mas é também alguém que está, em muito, por fazer. E é este “por fazer” que é o mais importante. Mas com facilidade o esquecemos.
A vida é muitas vezes pensada pela metáfora da viagem. Mas muito boa gente desistiu já e sentou-se numa pedra à espera da morte. “Cadáver adiado”, já desistiu de ser o muito que ainda pode vir a ser.
Vimos de um paradigma estático. Ser é ser assim como eu sou. Mas não é verdade. Ser é sobretudo transformar-se, é sobretudo poder ser.
Os atletas de alta competição sabem-no. O verdadeiros artistas também. Nas artes marciais, há um programa de transformação ascendente e a cada momento o praticante está desafiado a superar-se. No escutismo há, igualmente, uma caminhada ou um sistema de progresso e crescimento a fazer. Quanto ao resto…
Dissemos já que cada um de nós deve ser pensado para a sociedade, para a empresa que muito espera dele, mas também – sempre e sobretudo – para si mesmo. E cada um de nós quer mais e melhor para si mesmo. Não apenas coisas que se podem comprar, mas sobretudo mais ser, mais poder ser, mais sentir-se melhor consigo mesmo e com os outros. Então, que razão nos leva a desistir? a aceitar a ser menos podendo ser mais e melhor?
Já percebemos a importância de manter um corpo saudável. De dar, não mais anos à vida, mas mais vida a cada um dos anos. Mas a vida não é apenas o corpo a funcionar bem.
Falta-nos ainda perceber que a vida tem uma dimensão interior de projecto, que se afirma ou se perde, e que é uma dimensão decisiva da qualidade de vida.
Como posso manter as minhas responsabilidades e diminuir o stress que me dá cabo da vida? Como posso melhorar a qualidade da minha relação com aqueles com quem trabalho e com quem vivo? Como posso aproveitar melhor o meu tempo, para fazer tudo o que me cabe e ainda aproveitar a vida à minha maneira? Como posso melhorar a liderança dos grupos por que sou responsável e assim melhorar a produtividade e a satisfação de todos? Como posso conquistar a serenidade interior e a paz de espírito neste tempo de tantas dificuldades? Já percebi que preciso de delegar, mas não consigo, como poderei aprender? Sou bastante derrotista e isso prejudica-me, como posso mudar?...

Os que podem socorrem-se de um serviço de coaching. Mas é ainda pouco acessível, e é caro. É, contudo, um serviço com futuro, porque responde a uma carência que não tem outra resposta. O mais importante, porém, é percebermos que nunca se está acabado e, portanto, estamos sempre a precisar de nos produzirmos por dentro. Para sermos mais para nós próprios e, sendo-o, estarmos disponíveis para sermos mais para os outros. O resto virá depois. Mas ainda está quase tudo por fazer neste domínio.

 

Alves Jana



publicado por animo às 16:50
link do post | comentar | favorito

pesquisar
 
Junho 2016
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
14
16
17
18

19
20
21
22
23

26
28
29


posts recentes

ANIMUS DE LUGAR DE ENCONT...

ESTÁ TUDO DITO

ANIMUS O FIM há sete anos...

VEM AÍ A "ANIMUS SEMPER" ...

ANIMUS SEMPER escreve ant...

comasalpcb@gmail.com O E...

O RESPEITO NÃO SE DECRETA...

DAS ELIMINAÇÕES A CAMINHO...

ESTE BLOG TERMINA NO FINA...

NUNCA ACEITAREI REGRAS SA...

arquivos

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

links
subscrever feeds