Segunda-feira, 7 de Junho de 2010
ABRAÇO-VOS A TODOS.

 

 

O Mário Pissarra acaba de prestar contas do deve/haver de um bem sucedido Reencontro tantos anos depois. Estamos todos de parabéns.

Chegou, por isso, também, e para bem de nós todos, a minha hora de prestar outras contas.

2

De facto, valeu a pena o muito caminho andado para a A24A-ALCAINS24ABRIL termos chegado. Só que, para mim, e acho que o problema é mesmo só meu, o objectivo era fazer deste lugar de encontro, a agora animus, uma praça, um terreiro, uma esquina, o que se quiser, onde poderíamos, a qualquer hora, a qualquer instante, no instante de um clic encontrarmo-nos nem que fosse para desejar os bons-dias e, mesmo, partilhar o tanto de que são feitos os nossos dias.

3

Ontem como hoje, o que pretendi, desde os pré-históricos contactos telefónicos para tudo o que eram postos públicos das mais remotas aldeias e que resultaram num primeiro jantar, algures, na minha casa, então, em Campo de Ourique, até às continuadas cartas, então, ainda salivadas – coisa bem distinta das modernaças etiquetas autocolantes de hoje - passando, depois, pela primeira rede de email, pelos primeiros telemóveis, pela Ericeira 2000, essa gloriosa passagem do século, até ao primeiro blog, entretanto partilhado com outros anos, o que pretendi, sim,  nada mais era do que afirmar que a vida, para nós, poderia continuar como se nenhuma interrupção, nenhuma ”saída”, nenhuma “expulsão”, nenhum simples desistir  tivesse tido lugar.

4

Como assim, essa contraditória conjugação, se a vida, entretanto, se impôs a cada um com uma outra vocação?

5

É aqui que bate o ponto. Entre os que só querem recordar, uma vez por ano – e que já estão desejosos de que chegue Gavião, claro – e aqueles para quem o presente vivido intensamente é a melhor forma de confirmar a continuada  autenticidade de que era feito o então presente do passado que hoje continuamos a invocar. Ou seja, trocando por miúdos, as novas tecnologias ao serviço de nos vermos, de nos pensarmos, de nos falarmos, todos os dias. Sem agendas e, muito menos, sem contendas. Uma única tenda, qual Tabor dos nossos dias garantidamente plurais.

6

Não terei sido persuasivo quanto baste. Não raro, o blog, deu  conta das muitas coisas que, nessa linha, eu próprio trazia para partilhar. Nos últimos dias, até, em face da última exposição, cortei-me até mais não, não fosse alguém fartar de tanta, assim entendida, auto-promoção. Para não dizer no que à prática da oração entendida como descomplexado exercício de religação com o sagrado, diz respeito. Nunca a ninguém aqui se impôs o que quer que configurasse o cumprimento de um qualquer estafado preceito! E não é que no meu derradeiro refúgio, a ânimo, onde sentia algum pudor, virou, agora, por via de crescente sussurro, o lugar onde rezo com acrescido prazer?!

7

Foi um ano de intenso e, provavelmente, excessivo empenhamento nestas e noutras coisas/causas públicas. Exposições, performances, concertos, milhares de caracteres tricotados, etc, num frenesi a solicitar que…. páre por aqui.

Com alguma legitimidade, mas nem sempre com  a necessária e recomendada  humildade, sofro, sofremos, creio,  se tarda o retorno, acontecendo, por vezes, rondar-nos um adivinhado transtorno.

A serenidade convoca-me, pois, para outras paragens , para outras aragens, donde possa ver, melhor e mais distanciado, o valor de cada um dos meus irmãos em si considerado.

Ou seja, mais do que um quase doentio querer surpreender, chegou a minha hora de me deixar querer ser surpreendido.

8

Nesse sentido, acabo de enviar a todos os elementos que constituíram a Comissão Organizadora de Alcains24, as chaves (passwords) com que deverão assegurar a continuidade desta animus, até que entendam construir ou não um outro lugar. Nada que não estivesse nos meus planos e não tivesse já sido objecto  de conversa. Creio mesmo, seja-me permitida esta sugestão, que quem quisesse escrever na animus deveria poder pedir, através do mail, as referidas chaves.

O correio continuará com este endereço e a sua gestão continua assegurada pelo meu querido amigo Joaquim Silvério, até à criação de um outro, sendo que, na transição, eu próprio continuarei a receber correio de outros dois blogs, embora, dentro de algumas horas, já estejam criados novos endereços para esses blogs por forma a que este fique exclusivamente para a animus até que o entendam, sublinho.

9

Fui mais longo do que queria. Uma última palavra para os meus queridos amigos de 1963 e para a generosidade de que deram provas ao aceitar partilhar e alargar o trilho por onde caminhámos durante tantos anos. Obrigado pela confiança que em mim depositaram na concretização dessa opção.

10

Surpreendam-me. Abraço-vos a todos.

  

 

O maior desgosto:não ter conseguido que a tarde de 24 de Abril 2010 fosse toda feita por nós.A falarmos todos com todos e, no palco, os vários conjuntos musicais de que fomos capazes. E estávamos lá quase todos!Manel, passo-te a bola!

 

 

antónio colaço

 

 

PS

Uma precisão apenas: -No último  texto do Carlos Mingacho, a única coisa que lhe fiz ver na mensagem com que, ontem, lhe desejei óptima intervenção cirúrgica, foi o facto de eu ter sido CONVIDADO, cumprem-se agora 21 anos (já que estou de abalada por ter solicitado a aposentação, penalizada)para coordenar o Gabinete de Imprensa do GPPS, algo bem diferente e muito distante, no tempo, aliás, dos tão conhecidos Jobs for the boys, tendo-me filiado no PS, por minha iniciativa, apenas depois de ocupar o honroso cargo, pelo que não fazia muito sentido acreditar que Guterres, Almeida Santos, Gama, Lacão, Costa, Seguro, Alberto Martins e Assis, tivessem conseguido conviver com alguém que adoptaria, segundo Carlos, modelos de vida “salazarentos” entre outros mimos. Pronto. Mas, para mim, já é passado e quero é que o nosso amigo Mingacho ache depressa a desejada recuperação. Um destes dias aceito de novo comer os estaladiços pasteis de carne e beber um qualquer encorpado tinto com que nos brinde, tal como quando  nos matou a fome, esgotados, na preparação do Alcains 24.



publicado por animo às 16:50
link do post | comentar | favorito

1 comentário:
De Manuel Beirão dos Reis a 13 de Junho de 2010 às 23:24
AINDA A PROPÓSITO DO ALMOÇO DE 24 DE ABRIL...
Começo por dizer que não tenho acompanhado as eventuais polémicas que têm existido (no blog ou fora dele) e que talvez tenham abalado os "ânimos" de alguns...
Gostava apenas de dizer que passei hoje 3 horas a rever as fotos, os textos, alguns comentários e as muitas informações do blog e que fiquei emocionado com várias coisas:
- A passagem do tempo pelo contraste das minhas fotos do Gavião, de Alcains ou de Portalegre e as actuais...;
- O reconhecimento de caras e datas: O Alberto da Conceição Afonso, que entrou no Gavião em 1964 e se encontra numa situação de doença grave muito adiantada; o José de Jesus André que me procurou há uns anos em Lisboa e que eu gostava de contactar (se alguém tiver o contacto, agradeço muito...); o Padre Pinheiro de Portalegre que me chamou a atenção para a impossibilidade (defendida por Kant) de se demonstrar a existência de Deus; ...
- A actividade incansável do António Colaço, do Mário Pissarra e do João Peres em volta do reencontro dos antigos seminaristas,...
- A presença de gerações mais novas, filhos de ex-seminaristas, que desenvolvem actividades dignas de registo,...
O retomar dos contactos e os reencontros já realizados (participei apenas num) são a razão do meu agradecimento a todos os que têm estado neste projecto, am particular, ao Colaço, ao Mário e ao João.
Um abraço
M. Beirão


Comentar post

pesquisar
 
Junho 2016
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
14
16
17
18

19
20
21
22
23

26
28
29


posts recentes

ANIMUS DE LUGAR DE ENCONT...

ESTÁ TUDO DITO

ANIMUS O FIM há sete anos...

VEM AÍ A "ANIMUS SEMPER" ...

ANIMUS SEMPER escreve ant...

comasalpcb@gmail.com O E...

O RESPEITO NÃO SE DECRETA...

DAS ELIMINAÇÕES A CAMINHO...

ESTE BLOG TERMINA NO FINA...

NUNCA ACEITAREI REGRAS SA...

arquivos

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

links
subscrever feeds