Segunda-feira, 24 de Setembro de 2012
UM CHEIRINHO DO REENCONTRO DO PESSOAL DO FINAL DA DÉCADA DE 60
Zé Centeio
 
Caro Colaço,
Para não desanimares (não tenhas pressa!), envio-te o texto que escrevi e que distribuí no encontro. Quanto ao escrever, talvez hoje à noite. Posso adiantar que tivemos o prazer da visita do Mário Pissarra e do Pe Mendonça. No que respeita às fotografias, vamos ver o que se arranja, pois além da máquina (sobretudo no interior) não ser grande coisa, o fotógrafo consegue ser ainda pior.
Mas alguma coisa se arranjará.
...
Abraço,

Caros Amigos,

Não imaginam como estou feliz por estar aqui. Por poder reencontrar gente que julgaria «perdida» para sempre. Quando há uns meses desafiei o Manuel a organizar um encontro como este, mal eu adivinhava que tempos depois já ele me estava a telefonar dando conta das suas várias tentativas de abordagem. Bem-haja, Manuel pela tua grande generosidade e me/nos teres proporcionado este momento. A vida celebra-se no Reencontro.

Este não é mais um encontro ao qual as pessoas vieram por obrigação ou para cumprir um qualquer calendário. Também não será um encontro onde meia dúzia de amigos se juntam para beber uns copos, esquecerem as mágoas da vida ou desfiarem um acumular de lamúrias nostálgicas de tempos idos.

Este é o Reencontro com uma pequenina parte da nossa vida, com aqueles que partilharam connosco essa ínfima parte da grande caminhada que foi, e continua a ser, a nossa vida. Apesar da ínfima parte, não significa isso que tenha sido mais ou menos importante que outras etapas. O grau de importância é do foro individual e, certamente, ele será diferente em cada um de nós. O importante é que estamos aqui e viemos porque somos pessoas livres. Talvez o Manuel Domingues tenha feito um pouco de pressão, mas foi com boas intenções como é timbre de gente generosa!

Queria celebrar este momento com uma mensagem a cada um, mas como sei que isso é impossível, aqui vos deixo esta mensagem coletiva para que possam recordar este REENCONTRO como um momento que valeu a pena e que, ao lembrarem-se deste dia, sintam o desejo de novos reencontros.

Sejamos felizes em seara de gente e obrigado por este momento.

Um grande abraço deste vosso antigo e sempre novo amigo.

José Centeio
 


publicado por animo às 18:58
link do post | comentar | favorito

pesquisar
 
Junho 2016
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
14
16
17
18

19
20
21
22
23

26
28
29


posts recentes

ANIMUS DE LUGAR DE ENCONT...

ESTÁ TUDO DITO

ANIMUS O FIM há sete anos...

VEM AÍ A "ANIMUS SEMPER" ...

ANIMUS SEMPER escreve ant...

comasalpcb@gmail.com O E...

O RESPEITO NÃO SE DECRETA...

DAS ELIMINAÇÕES A CAMINHO...

ESTE BLOG TERMINA NO FINA...

NUNCA ACEITAREI REGRAS SA...

arquivos

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

links
subscrever feeds