Terça-feira, 1 de Abril de 2014
TODOS A PROENÇA escreve mário pissarra

 

 

1.- É óbvio que concordo com o Colaço sobre a perda de dinâmica dos nossos encontros. Não diria, no entanto, que se trata de uma perda de dinâmica, mas a tentativa de acertar o passo com uma outra dinâmica. Aprendi com o sociólogo Alberoni que há dois estados diferenciados nas relações amorosas e nas instituições: o estado nascente e o estado institucional.

No estado nascente inicial predomina a emoção, a generosidade, o entusiasmo, a aceitação incondicional do outro etc. No plano pessoal corresponde ao enamoramento. Mas depois vem a vida! È preciso pagar as contas, tratar dos filhos, trabalhar, etc. Exige-se uma certa racionalidade organizacional. Não é preciso que o enamoramento acabe. Permanecerá pontualmente, mas, a pouco e pouco, vai dar lugar ao amor-amizade, ao amor companheirismo. Isto na sua linguagem.

Nós vivemos os momentos eufóricos do reencontro. Mas a vida e a história de cada um trouxe-o à realidade do que é a vida do dia a dia e das suas lutas. Até a questão do momento da institucionalização nunca foi cordata entre nós. É verdade que no Gavião venceu a proposta de institucionalizar legalmente a Associação do Antigos Alunos. Contudo, não é menos verdade que os seus proponentes e defensores nunca avançaram.

Defendo que devemos deixar de ser nostálgicos em relação a um passado recente ou a um qualquer dever ser para aproveitar as energias que ainda temos para sermos o que pudermos ser.

2.- Sei que te dói o silêncio de muitos e a falta de colaboração no blog. Também a mim. Mas isso embora nos doa, não é um drama. Muitos de nós gosta de saber notícias, de ler o blog, mas não têm por hábito escrever. Eu não escrevo mais vezes nem é sequer por preguiça ou falta de tema ou tempo. Tudo o que eu menos queria é que alguém visse no meu empenho qualquer busca de protagonismo. Quem faz corre o risco de ser sempre acusado de estar a pôr-se no bico dos pés, como que a dizer olhem que eu existo e estou aqui. Porque não é isso que quero ou procuro é que explica o meu silêncio e recato. Não é falta de solidariedade contigo e com os outros. Tu, como eu sabemos o quão fácil é ser mal interpretado! A vida tem ritmos diferenciados consoante a idade! Mas a idade não é impeditivo para que todos possam tornar-se presente nas iniciativas dos antigos alunos dos seminários da diocese.

3.- Nem tudo ficou para a última hora. Há muito trabalho feito e tudo está em andamento. O importante agora é que todos vejamos o número de inscrições a crescer a bom ritmo e todos nos empenhemos junto dos nossos conhecidos para que o nosso Encontro em Proença seja mais um momento marcante na alegria de nos reencontrarmos.

Mãos à obra! Inscreve-te e convence outros a fazer o mesmo.

Mário Pissarra

 

NR

Como vês, este "silêncio que dói" tem destas compensações.

Aí estás tu na plenitude das tuas reflexões que nos fazem colocar A TODOS NOS BICOS DOS PÉS, para vermos a realidade um bocadinho mais de cima.
2

Tenho de ser breve. Os meus pés não chegam para o muito caminho a andar. Pés, como sabes, bem assentes no hoje dos dias.
E que dias.
Não me queixo.
Estou grato.
So que...não chega. Precisava de dias com mais 24 horas em cima.
Abraços.
Obrigado.

antónio colaço

 ...............................................................................................

INSCRIÇÕES

 

- Manuel Lopes Cardoso e esposa  (2)

- Virgílio Dias Moreira (1)

- Fernando Martins e esposa (2)

- António Gil Martins Dias e Esposa (2)

- Álvaro da Conceição Martins e esposa (2)

- António Manuel Martins da Silva (1)

- Mário do Espírito Santo Pissarra e esposa (2)

- Adriano Mendes e esposa (2)

- José Ribeiro Andrade e esposa (2)

- António Eduardo Santos Oliveira e esposa (2)

- Joaquim Mendeiros Pedro e esposa (2)

- António Henrique e esposa (2)

- Francisco da Silva Amaro e esposa (2)

- João Mendes Gregório e esposa (2)

- José Henrique Alves da Silva (1)

- Pe. António Marques Assunção (1)

- Pe. Fernando Manuel de Jesus Farinha (1)

- Agostinho Pequito e esposa (2)

 

Total em 01.04.2014 às 12.00h = 31 pessoas

 

Recepção das Inscrições

 

Mário Pissarra

Telefones: 241 363 246  ou  966 811 087

 Mail: mespissarra@hotmail.com

 

Manuel Cardoso

Telefones: 274 671 472 ou 933 297 465

Mail – cardosoml2@gmail.com

           

 

 



publicado por animo às 23:43
link do post | comentar | favorito

pesquisar
 
Junho 2016
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
14
16
17
18

19
20
21
22
23

26
28
29


posts recentes

ANIMUS DE LUGAR DE ENCONT...

ESTÁ TUDO DITO

ANIMUS O FIM há sete anos...

VEM AÍ A "ANIMUS SEMPER" ...

ANIMUS SEMPER escreve ant...

comasalpcb@gmail.com O E...

O RESPEITO NÃO SE DECRETA...

DAS ELIMINAÇÕES A CAMINHO...

ESTE BLOG TERMINA NO FINA...

NUNCA ACEITAREI REGRAS SA...

arquivos

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

links
subscrever feeds